Artes, CDU, Festa do Avante, música, PCP

Foi linda a Festa, pá!

 

Para muitos a Festa não existiu, para outros ela aconteceu porque o Marcelo esteve lá, para outros, ainda, ela até se realizou, mas apenas por causa da música, porque ninguém quer saber de política e muito menos do PCP.

Para a maioria da comunicação social aquilo que importa noticiar é a cor dos cortinados da casa de José Sócrates, não se vislumbrando qualquer interesse numa iniciativa que junta centenas de milhares e onde a política, a música, a pintura, a escultura, a fotografia, a dança, o teatro, o cinema, a gastronomia, o artesanato e a ciência fazem da Festa do Avante! um acontecimento único e sem paralelo no nosso país.

No entanto, por muito que a tentem esconder ou menosprezar o seu real significado, nós sabemos que foi linda a Festa, pá!

Standard
PCP, PCP, Política

Os valores de Abril no futuro de Portugal!

congpcpEste fim-de-semana, em Almada, decorre o XIX Congresso do PCP.

Para lá dos preconceitos, das frases feitas e das caricaturas, milhares de pessoas participaram na construção e realização do Congresso onde o que está em causa é a transformação radical da sociedade em que vivemos, a construção de uma alternativa patriótica e de esquerda, o fim do caminho de desastre a que o País está sujeito pelos Partidos da troika.

Pela profundidade da análise contida nos documentos em discussão, pela amplitude dos temas tratados, pela capacidade de analisar criticamente a realidade em que vivemos, acompanhar este Congresso é imprescindível para aqueles que defendem a ruptura com a política de direita e os seus protagonistas e a construção de uma alternativa.

Depois de tantas e tantas certidões de óbito passadas em seu nome, ainda cá está o PCP a resistir à ofensiva capitalista e à política de direita, ainda cá está o PCP como uma força social transformadora sem paralelo no nosso País, como o Partido da juventude, da classe operária e de todos os trabalhadores, como o Partido da superação do capitalismo e da construção de uma sociedade justa, livre e democrática, o socialismo e o comunismo.

Standard