Geral

Politiquice reciclável, até quando???

 contentores reciclagem

A semana passada foi pontuada por momentos que se queriam dramáticos e que se tornaram hilariantes.

Nuno Crato, de binómio de Newton ao pescoço, não resistiu ao patético de afirmar que “Estão a assistir a uma coisa que não é comum na História, que é um ministro chegar ao parlamento e reconhecer a responsabilidade por uma não compatibilidade de escalas, e um ministro assumir que o assunto vai ser corrigido”.

Passava a ferro a exibição de Paula Teixeira da Cruz que, no dia anterior, dependurada da venda da justiça, pedia desculpa em nome do Ministério da Justiça, pelo caos instalado nos tribunais depois de uma muito propalada reforma judicial. Para Crato ministras a pedirem desculpa é coisa vulgar. Mulheres, já se sabe estão sempre prontas para o perdoa-me, mas só um homem, um homem como ele é que seria capaz de acto tão invulgar. É preciso estar cego pela presunção e vaidade.

Para o retrato de família ficar completo Passos Coelho, amnésico em realçaõ a ter recebido cinco mil euros mês durante, pelo menos, três anos, isto de 5000 euros a menos ou mais por mês é,para ele um pormenor, já olha para o futuro radioso mais longínquo. Promete que em sete anos, à velocidade de cruzeiro de 0,5% ao ano, acaba com a sobretaxa do IRS. Razão poderosa para os portugueses lhe confiarem a governação até ao ano 2021. Ano em que todos teremos a ocasião de comemorar facto tão extraordinário que, diz ele, lhe ocupa e dirige todos os actos de governação. Acabará SE !!! Para esse SE, poderão os cidadãos olhar com desconfiança e votar em…António José Seguro ou António Costa?

Poderão???

Curiosa dicotomia de antónios, que ontem teve mais um folhetim em directo, onde se esbateu e enterrou quaisquer princípios e ideologia que ainda sobrevivessem no PS. Isto do socialismo ter sido atirado para a gaveta pelo pai fundador, onde se encontra fechado a sete chaves, dá muito jeito para a discussão política ser substituída pelo mútuo ferrar de caneladas e consequentes nódoas negras que deve ter esgotado as reservas de Trombocid ( passe a publicidade ) nas farmácias de serviço em Lisboa e arredores.

Será que vamos continuar com esta politiquice e estes politiqueiros que se têm reciclado há quase quarenta anos?

Foi uma emana e meia de espectáculos de entreter para desviar as atenções do que é fundamental, cada vez mais urgente: MUDAR DE POLÍTICA !!!

Anúncios
Standard

2 thoughts on “Politiquice reciclável, até quando???

Comente aqui. Os comentários são moderados por opção dos editores do blogue.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s