Depois de uma semana politicamente podre com Passos Coelho e Paulo Portas continuando o seu caminho de delinquência constitucional. Iagos de feira que intrigam contra o 25 de Abril sonhando com um 24 de Abril “democrático”. O Cavaco igual a si mesmo. Sorriso agrafado, odor agridoce a defunto, mão em garra amarfanhando a Lei Suprema de Portugal que jurou sem convicção. O duelo Seguro e Costa segue e soma em lances patéticos com botes permitidos e não permitidos com o pano de fundo de propostas de programa político que se sobrepõem nos princípios e divergem na forma, para gozo da direita e apreensão da esquerda com a pandemia do síndrome Palombella Rossa do PS, olha á esquerda, olha à esquerda , remata à direita.
Depois desta semana, que os presságios apontam ir-se prolongar, um intervalo breve mas intenso para se ouvir esta magnifica música com uma interpretação de excelência pelos “Os Músicos do Tejo”

Comente aqui. Os comentários são moderados por opção dos editores do blogue.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s