Geral

Horror! Horror!

Horror! Horror! clamava o coronel Kurtz ( Marlon Brando) no Apocalipse Now.

Horror! Horror! Dizemos  nós, estupefactos perante o poderoso armamento que ia a bordo do Marvi Marmara, que a heróica marinha israelita tomou de assalto matando dezanove perigosos activistas dos direitos humanos, alguns com tiros à queima-roupa como a autópsia comprovou. O vídeo que Israel apresenta para desmontar “ um ataque de hipocrisia internacional”, como disse o primeiro-ministro israelita Benjamin Netayahu, é a evidência da brutalidade, da irracionalidade, da grande mentira que é é o sionismo. Maior descaramento não é possível, mas é o traço de união entre todos os apoiantes do Estado de Israel que, em todo o mundo, fazem lobby pela sua criminosa política. Um insulto a todo o mundo,  em particular aos judeus e à memória das perseguições que sofreram ao longo dos séculos.

Olhando para este vídeo vê-se bem como o povo eleito por Deus, estava em perigo! A nação israelita, apesar do seu arsenal que inclui bombas atómicas, poderia não sobreviver às facas de cozinha, aos x-actos, a toda aquela parafernália bélica. Heróicos e valorosos soldados hebreus que destemidamente enfrentaram grupo tão fortemente armado! Faz bem Obama em considerar prematuro condenar já Israel e conseguir que o Conselho de Segurança da ONU peça um inquérito pormenorizado. Isso está em linha com as intervenções dos Estados Unidos naquela instância. Ainda nos lembramos do ar sério de Colin Powell apresentando mapas e fotos aéreas muito detalhadas, mostrando onde no Iraque estavam armazenadas e onde eram fabricadas armas de destruição maciça.

O cinismo e a hipocrisia não estão para onde Netayahu aponta! Alguém, sério e honesto, pode ver alguma diferença entre o ataque do exército israelita ao comboio de navios com ajuda humanitária e os execrados piratas somalis? Como diz Robert Fisk, no Independent, os líderes ocidentais são cobardes de mais para salvar vidas. Fazem declarações de profundo pesar e consternação, fecham-se nas suas luxuosas casas de banho para lavarem as mãos e as consciências, longe dos olhares do mundo. O cúmulo da desonra é, passado todos estes dias, a Casa Branca publicar um comunicado em que diz ”estar a trabalhar para perceber as circunstâncias da tragédia”. Não há um pingo de vergonha nesta cáfila de mordomos, encabeçada por Obama, ao serviço de interesses que não são os da humanidade. Que sempre olharam para o lado quando Israel matava árabes. Agora que os sionistas, confiantes nas aprovações implícitas que lhes eram concedidas a cada passo da sua escalada contra os direitos humanos no Médio-Oriente, começam a matar europeus ( os turcos são europeus e são um dos importantes pilares da Nato ) embrulham-se em declarações que fazem corar de inveja os tartufos históricos, apesar de estar em causa um seu importante aliado!

Há que acabar com este estado de coisas! O problema não se confina a Israel é um problema da paz e segurança mundial! Esta é uma das peças desse gigantesco puzzle!

Standard

One thought on “Horror! Horror!

  1. Helena Pato diz:

    Se isto não fosse trágico e estes tipos que governam Israel perigosíssimos, confessava sem remorsos as gargalhadas que dei, a ver e rever o vídeo. Será estupidez ou acreditam que o mundo é estúpido?
    H.P.

    Gostar

Comente aqui. Os comentários são moderados por opção dos editores do blogue.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s